Ricardo Burgos

Como andar de metrô em Nova York

Nova York possui um sistema de metrô muito útil, te leva à qualquer lugar, sem falar nos trens que você pega na Grand Central Station que te leva à locais ainda mais distantes. Por conta de toda essa facilidade você não precisará gastar uma grana com carros ou táxis.

metro-nova-york-conexao-mundo

 

Precisando se hospedar em Nova York, que tal ver na Booking.com?

Primeira coisa que você tem que fazer é adquirir um “MetroCard” que te dá acesso tanto aos ônibus quanto ao metrô. Perfeito para quem está de passeio e pretende bater perna pela cidade. Outra coisa importante a respeito do MetroCard é que a tarifa custa US$ 2,25 e uma passagem avulsa, adquirida nas máquinas de autoatendimento, custa US$ 2,50.

Andar de metrô em Nova York pode ser complicado para que não está familiarizado com o sistema. Por isso você pode encontrar um mapa do metrô que é distribuído gratuitamente nas cabines das estações. Tem também um aplicativo muito útil, o Transit App, eu geralmente uso este serviço quando estou por lá.

Sempre que entrar na estação, preste atenção à placa de identificação da estação que informa se a estação está aberta e se tem alguma agente disponível na cabine. É IMPORTANTE saber que por mais que o metrô funcione 24h, nem todas as entradas de estações estarão abertas ou terão agentes disponíveis o tempo inteiro.

  • AGUARDANDO O TREM

Siga os painéis indicando a linha que você deseja utilizar. Na plataforma, você encontrará indicações que informam quais trens param ali e em qual direção eles vão, como Uptown, Downtown, Brooklyn.

IMPORTANTE: em cada plataforma podem passar trens de várias linhas do metrô. Você pode estar numa plataforma esperando o trem da linha 1 e, de repente, se deparar com o trem da linha 2. O sistema de metrô de Nova York funciona dessa forma, vários trens utilizam a mesma plataforma. Seja paciente e aguarde o seu trem. Geralmente cada trem passa de 2 a 5 minutos nos horários de pico (das 6h30 as 9h30, das 15h30 às 20h, de segunda à sexta); a cada 5 a 10 minutos no meio do dia (das 9h30 as 15h30, de segunda à sexta); a cada 5 a 15 minutos a noite (das 20h às 0h) e a cada 20 minutos entre meia-noite e 6h30.

Por favor, aguarde atrás da linha amarela na plataforma, não vá deixar sua vida na mão de um psicopata qualquer que possa te empurrar sobre os trilhos… Ah, e se você estiver fora do horário do pico, especialmente a noite, sugiro aguardar o seu trem numa área chamada Off-Hour Waiting Area. Basta procurar uma placa amarela, geralmente pendurada no teto, que identifica essa área. Por quê? Porque quando você fica nessas áreas, você estará no campo de visão de um agente da estação.

A maioria das linhas tem dois profissionais, um operador e um condutor. Fora dos horários de pico, aconselho ficar nos carros onde estejam o operador ou o condutor, que são o primeiro vagão e um outro no meio do trem.

Diversas estações tem um visor eletrônico que anuncia a chegada do trem e também indica se o trem está indo “uptown” ou “downtown”. Você ouvirá uma espécie de alarme avisando que o trem está próximo.

  • O TREM

Logo na frente do trem você encontra a indicação da linha, é sempre uma letra ou um número. É comum que mais de uma linha pare numa determinada plataforma, então preste bem atenção na letra ou número do trem que está chegando.

IMPORTANTE: as linhas fazem duas rotas, a Local ou a Expressa. O trem que estiver na rota Local para em todas as estações enquanto o trem Expresso “pula” algumas estações. Tanto o mapa do metrô quanto aquele aplicativo que citei lá em cima, o Transit App, indicam quais paradas são expressas (círculo cheio) e quais são locais (círculo vazio).

  • METROCARD

Já falei sobre o MetroCard lá em cima, ele será o seu passe para ir à qualquer local de NY, seja de ônibus ou metrô. Mas agora vamos falar de preço. Confira abaixo:

Pay-Per-Ride MetroCard: Você coloca o valor que desejar entre US$ 4,50 a US$ 80. Se você carregar com US$ 10 ou mais, ganha 7% de bônus, com uma transferência gratuita entre metrô e ônibus ou entre dois ônibus. O custo de uma viagem é US$ 2,50 e este cartão só é vendido nas máquinas de autoatendimento.

Unlimited Ride MetroCard: É ilimitado! Como? Você compra uma quantidade ilimitada de viagens de metrô e ônibus por um preço fixo. Você pode escolher entre 7-Day, 30-Day, 7-Day Express Bus Plus, 30-Day Unlimited Ride MetroCard accepted on JFK AirTrain only ou JFK-AirTrain 10-Trip MetroCard.

Os mais comuns para turistas são o 7-Day Unlimited Pass, que custa US$ 29 e o 30-Day Unlimited Ride MetroCard, que custa US$104.

  • COMO USAR O METROCARD

Com o nome “MetroCard” virado para você, passe o cartão no leitor, firme porém tranquilo. Quando o visor da catraca mostrar “GO”, siga adiante.

Se o visor exibir “Please swipe again”, passe o cartão novamente. Mas relaxe pois não será cobrada uma nova tarifa.

Se o visor exibir “Swipe card again at this turnstile”, não vá para outra catraca, pois ou você será cobrado por outra viagem (no Pay-Per-Ride MetroCard) ou será impedido de entrar na estação por 18 minutos (com o Unlimited MetroCard).

Se exibir “See Agent”, significa que há algo errado com o seu cartão e será necessário procurar o agente da estação.

Com estas informações, você está pronto para andar de metrô em Nova York. Se tiver alguma dica a mais para acrescentar, por favor, comente abaixo! 🙂

FONTE: novayork.com

Ricardo Burgos

Facebook | Twitter | Instagram | Gmail

Ricardo começou sua carreira como ator em Salvador, e mudou-se para o Rio em 2012, onde ficou em cartaz por 3 anos com o musical "Dzi Croquettes em Bandália". Ricardo é louco por pizza, hambúrgueres, cerveja e sente muita falta de acarajé. Ele já escreveu para a Obvious Magazine e hoje escreve no Conexão sobre Rio de Janeiro e Nova York.

Escreva para o Conexão Mundo

Compartilhe suas experiências e dicas conosco e torne-se um colunista.